• Paraíso17

Captura de um dinossauro

* Renan Braga Taveira
08/06/2017 09h01

Vou lhe contar uma história que ocorreu no meu bairro. Na época em que eu tinha seis anos de idade, havia um menino que achava que era um dinossauro. Em certo dia, esse rapaz, chamado Richard Malgush, logo pela manhã, acordou gritando pela casa, grunhindo palavras incompreensíveis – parecendo até que vinha diretamente do mundo dos dinossauros. Sua mãe e seu pai acordaram assustados, perguntando o que havia acontecido. Mas como Richard achava que era um dinossauro, rapidamente correu para perto de seus pais, tentando mordê-los. Seu pai o agarrou pelos braços e disse:

- Filho, você está bem?

 

Richard respondeu:

- Eu sou um dinossauro! - e deu outro grito.

 

Seus pais, preocupados com ele, o levaram para o médico, mas andavam na rua com vergonha, pois seu filho ficava o tempo todo com os braços encolhidos e rosnando para qualquer pessoa que passava perto deles.

 

Chegando ao consultório do doutor Joseph Noulanny, ele lhes perguntou o que estava acontecendo. Os pais falaram tudo que tinha ocorrido ao longo do começo do dia. O médico chegou perto do menino e disse:

- Preciso que me fale o que está acontecendo, Richard!

 

E de novo o menino tentou morder. Assim, seu pai o segurou novamente e amarrou-o na cadeira do consultório. O médico tornou a perguntar:

- Por que você está agindo assim?

 

O pseudo-dinossauro, numa mistura de grunhido rosnado, vociferou:

- Eu sou um dinossauro! - disse com uma voz grossa.

 

Já havia se passado uma hora que ele estava amarrado na cadeira, mas o doutor não desistia dele, e toda vez fazia a mesma pergunta:

- Richard, por que você acha que é um dinossauro?

 

Mas o menino nunca falava, só gritava e tentava morder. Seus pais, já sem paciência, deram um grito para o menino:

- FILHO, FALE LOGO O QUE ESTÁ ACONTECENDO!

 

O pseudo-dinossauro, assustado, olhou para eles, regalou os olhos e os encarou:

- Eu já falei: sou um dinossauro!!!

 

Os pais dele, que não estavam dispostos a ocupar o papel da Família Dinossauro, falaram:

- Diga ao doutor Joseph o que ele está pedindo!

 

O médico pergunta novamente:

- Por que você acha que é um dinossauro?

 

Então, o menino conta que no dia anterior, ele havia assistido a um filme que se chamava Jurassic Park, e por ter gostando do filme e também do dinossauro-protagonista começou a agir como um, pois achava legal.

 

Depois de passado três horas dentro do consultório, o doutor finalmente havia progredido. Receitou um remédio aos pais do menino para que lhe dessem uma vez por dia, pois o menino agia daquele jeito porque estava com muita ansiedade. Chegando em casa, ele olhou para o pai dele e disse:

 

- Desculpe por tentar te morder. Eu só estava brincando.

 

Sua mãe olhou para ele e disse:

- Ele te perdoa, sim, mas não faça mais isto, tudo bem?

 

Após desse dia, eu parei de assistir qualquer filme que fosse de dinossauro e outros bichos que são fascinantes para qualquer pessoa! Opa! Eu tinha me esquecido de mencionar que essa criança era eu. Mas não diga nada a ninguém: esse será nosso segredo.

 

Abraços e até outra história.

 

*Estudante do curso de Informática do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Mato Grosso do Sul (IFMS), campus: Nova Andradina. Um menino pequeno e muito bonito, com um sonho de ser veterinário. Ajudo minha mãe em casa e gosto de jogar.






VEJA MAIS