• Paraíso17

Comitê de Combate à Dengue estuda novas formas de lutar contra o mosquito Aedes aegypti

Cogecom / Imagens: PMNA/Divulgação
19/06/2017 13h40
Reunião aconteceu na última terça-feira (13) / Imagens: PMNA/Divulgação

Para garantir resultados positivos na luta contra Mosquito Aedes aegypti, o Comitê de Combate à Dengue, se reuniu na manhã desta terça-feira (13) para discutir os trabalhos que já estão em andamento e ações futuras de monitoramento, mobilização e controle ao vetor.

 

A reunião teve a frente o secretário Municipal Noberto Fabri, acompanhado do subsecretário Sérgio Maximiano e do diretor da Vigilância Sanitária, Lúcio Roberto Tolentino.

 

Fabri destacou a qualidade do trabalho já feito pela equipe da Secretaria de Saúde, através da Vigilância Epidemiológica que trabalha em conjunto com diversos outros setores no combate à dengue como o Núcleo Regional da Saúde, Conselho Municipal de Saúde, Secretaria de Infraestrutura, Secretaria de Assistência Social, Secretaria de Educação e também de Serviços Públicos.

 

De acordo com o secretário Norberto “essa luta é conjunta, a comunicação dos setores é de suma importância para nós e principalmente para a população” e ainda enfatizou a relevância da parceria da 3ª Promotoria de Justiça de Nova Andradina, através do promotor de Justiça Alexandre Rosa Luz, que também esteve na reunião.

 

“Parabéns ao secretário e a todos envolvidos nessa ação de combate ao mosquito Aedes aegypti pois percebemos uma evolução do ano passado para este, a comunicação entre os setores está muito melhor, a agilidade na limpeza de terrenos também está muito maior e é assim que o trabalho tem que ser, em conjunto”, expôs o promotor Alexandre.

Promotor de Justiça Alexandre Rosa Luz, da 3ª Promotoria de Justiça de Nova Andradina e secretário de saúde, Dr. Norberto Fabri – Foto: PMNA/Divulgação

Notificações

De acordo com os dados fornecidos pela enfermeira da Vigilância Epidemiológica, Tatiana Maria Rovani Pacito, em 2017, até a semana 22, foram notificados 30 suspeitas de Dengue. Ainda neste ano houve 1 caso confirmado de Chikungunya. Em 2016, no mesmo período, foram notificados 459 casos de Dengue.

 

Apresentar baixo índice da doença, não significa parar com as ações, ao contrário, é neste estágio que o cuidado deve ser redobrado para continuar abaixando as notificações.

 

Mutirão da Dengue

O Mutirão da Dengue segue no combate ao mosquito Aedes aegypti. No total são 30 agentes trabalhando em Nova Andradina e 10 Em Nova Casa Verde, que ainda não apresentou casos da doença. Nas palavras da coordenadora do Controle de Vetores, Joelma Correa, além do mutirão, ações educativas estão sendo levadas para dentro das escolas da cidade como a Escola Estadual Irman Ribeiro e Escola Municipal Professor João de Lima Paes.

 

“Apesar de realizarmos a limpeza dos terrenos e retirarmos entulhos das casas, quando voltamos ao local, um tempo depois, está tudo igual novamente. A população tem que lembrar que a obrigação é de todos, se cada um cuidar do seu quintal, da sua casa, vamos diminuir muito mais o número de mosquitos em Nova Andradina”, disse Joelma.





VEJA MAIS