• Paraíso17

PRF recupera sete veículos durante a operação Carnaval

Da Redação / Imagens: PRF/Divulgação
15/02/2018 09h30
Operação entre os dias 9 a 13 / Imagens: PRF/Divulgação

A PRF (Polícia Rodoviária Federal) recuperou, durante cinco dias de carnaval, entre os dias (9 a 13), cinco veículos em todo o Estado de Mato Grosso do Sul.

 

Em Ponta Porã, no início da tarde de sexta-feira (9), equipe da PRF abordou na Unidade Operacional (BR-163 km 68), um Jeep/Renegade, com placas de Belo Horizonte (MG), conduzida por uma mulher de 28 anos, na companhia de um homem de 30 anos.

 

O documento apresentado tinha indícios de falsidade. Em verificação ao veículo não foram observadas adulterações em seus sinais identificadores. O automóvel é de uma empresa de locação de veículos, que foi contatada e informou que o utilitário foi alugado em junho de 2017 em Porto Alegre (RS) e que há um boletim de ocorrência por apropriação indébita.

 

Questionado, o passageiro informou que o veículo está alugado em nome de sua mãe, no entanto, não apresentou nenhum contrato de locação, realizada há 15 dias em Porto Alegre (RS).

 

O veículo e os dois ocupantes foram encaminhados para a Polícia Federal em Ponta Porã.

 

Segundo caso

Na tarde de sábado (10), os policiais abordaram dois veículos que vinham da fronteira e aparentemente viajam juntos, um Renault/Logan e um Fiat/Pálio.

 

Ao conversar com os condutores, os policiais verificaram que o homem que conduzia o Logan era namorado da condutora do Pálio e ambos estavam muito nervosos com a abordagem.

 

Em vistoria aos veículos a equipe encontrou no interior do Renault, vários tabletes de maconha em compartimentos ocultos. A droga totalizou 105 quilos.

 

Os dois veículos tinham queixa de furto/roubo e haviam sido tomados de assalto em Dourados na noite anterior.

 

Questionados, o homem admitiu trazia a droga e a namorada fazia o serviço de “batedor”.

 

Os dois foram presos em flagrante e encaminhados, com a droga, para a Polícia Civil em Ponta Porã.

 

Terceiro caso

Ainda no sábado, mas a noite, foi abordado um Toyota/Corolla com placas de Brasília (DF), conduzido por um homem de 29 ano, na companhia da esposa e dos dois filhos.

O homem apresentou os documentos, no entanto não soube informar os motivos da viagem e se mostrou tenso com os questionamentos da equipe. Em verificação ao veículo, os policiais observaram adulterações dos sinais identificadores.

 

O automóvel tinha ocorrência de furto/roubo ocorrido no dia 26 de novembro de 2016, sendo suas placas originais de Goiânia (GO).

 

Questionado o homem informou que comprou o veículo em São Luiz do Monte Belo (GO), através um site e que o vendedor ele não sabia o nome e não atendia mais suas ligações.

 

O homem e o veículo foram encaminhados para a Polícia Federal em Ponta Porã.

 

Quarto caso

Na tarde de domingo (11), os policiais abordaram na BR-463 km 6, uma VW/Amarok, com placas do Rio de Janeiro, conduzido por um homem de 21 anos, na companhia de uma mulher de 23 anos.

Os dois ocupantes não portavam nenhum documento de identificação. Em checagem aos sistemas de informação da PRF, a equipe constatou que o veículo tinha registro de furto/roubo na cidade de Itaboraí (RJ), ocorrido no dia 24 de janeiro deste ano e as placas originais de Macaé (RJ).

 

O veículo e envolvidos foram encaminhados para a Polícia Judiciária de Dourados.

 

Quinto caso

Na manhã de terça-feira (13), no km 55 da BR-267, os policiais visualizaram o automóvel Hyundai/IX35, com placas aparentes de Belo Horizonte (MG), parado no acostamento da rodovia.

O veículo tinha sinais de adulteração e placas originais de São Paulo (SP), onde tinha registro de roubo/furto. O motorista de 49 anos, declarou que pegou o veículo no Rio de Janeiro (RJ) e o levaria para Ponta Porã, onde receberia pelo serviço.

 

O automóvel foi levado para Delegacia local e o condutor e documento foram encaminhados à Polícia Federal de Três Lagoas.

 

Sexto e último caso

No início de tarde de terça-feira (13), os policias visualizaram no km 41 da BR-163, o veículo Noma/SR3E27 com placas de Eldorado, atrelado ao semirreboque com placas de Guaíra (PR). O conjunto estava estacionado em uma borracharia, às margens da rodovia.

 

O proprietário da borracharia um homem de 29 anos, informou que o veículo era de seu cunhado, que não se encontrava no local.

Após verificação, nenhuma irregularidade foi encontrada no caminhão trator, já no semirreboque foi observado sinais de adulteração.

 

O veículo foi encaminhado para a Polícia Civil de Eldorado.






VEJA MAIS