• Paraíso17

PMA autua pecuarista por derrubada ilegal de árvores para exploração de madeira

Da Redação / Imagens: PMA/Divulgação
16/04/2018 11h20
A pena é de seis meses a um ano de detenção / Imagens: PMA/Divulgação

Na sexta-feira (13), durante fiscalização ambiental nas propriedades rurais do município de Jardim, a 17 km da cidade, policiais da PMA (Polícia Militar Ambiental) autuaram um proprietário rural por crime ambiental de exploração e armazenamento de madeira ilegalmente.

 

O infrator de 69 anos, derrubou em sua propriedade, 12 árvores de grande porte das espécies Canafístula, Cumbaru, Jatobá-mirim e Angico, com uso de motosserras, sem autorização do órgão ambiental. As toras de madeira provenientes das árvores derrubadas estavam sendo transformadas em tábuas e vigas e foram apreendidos.

 

O idoso, residente em Jardim, foi autuado administrativamente e foi multado em R$ 3,6 mil. Ele também responderá por crime ambiental de exploração ilegal de madeira.






VEJA MAIS