• Paraíso17

Morte de policial militar teria sido encomendada pelo PCC

A informação foi dada pelos envolvidos no crime
Da Redação / Imagens: Divulgação
10/02/2019 18h45

Morte de policial militar, Juciel Rocha Professor de 25 anos, que foi atingido por vários tiros pelas costas teria sido encomendada pelo PCC (Primeiro Comando da Capital), a informação foi dada pelos envolvidos que acabaram sendo presos na manhã deste domingo (10), em Maracaju.

 

Leia também

|Jovem que matou PM seria integrante do PCC e se apresentou com dois advogados

|Policial militar é executado com tiros na cabeça em lanchonete na cidade de Maracaju

 

Segundo o “Correio do Estado”, um dos criminosos, que teria cedido a moto para matar o policial, Marcos Maciel Benites de 21 anos, foi morto durante confronto com policiais dos batalhões de Choque e de Operações Especiais (Bope).

 

Todos os quatro envolvidos foram presos, são maiores de idade e moradores de Maracaju. O quinto criminoso foi o que acabou morrendo em confronto com a polícia por ter resistido a prisão.

Arma de fogo e munições que foram utilizadas na execução do policial, a polícia também apreendeu drogas - Foto: Divulgação

Uma arma de fogo, munições e drogas foram apreendidos, bem com uma motocicleta que foi utilizada no crime.

 

A polícia ainda apura o que teria motivado a execução do policial.

 Moto apreendida utilizada no crime - Foto: Divulgação

Juciel era lotado na 2ª Companhia Independente da Polícia Militar de Maracaju. Ele havia se formado pela turma de soldados de 2016.

Policial militar estava na corporação desde 2016 - Foto: Redes sociais

 






VEJA MAIS